Entenda as principais diferenças entre funcionários públicos e privados

Os cargos públicos e os cargos privados são duas categorias empregatícias distintas e que geram muita dúvida em relação ao seu funcionamento. Afinal o que é diferente em cada setor? Para entender melhor as principais diferenças entre os funcionários públicos e os funcionários privados, leia o texto a seguir e fique por dentro de tudo.

Forma de seleção

Para os serviços do setor privado, a forma de seleção é através de uma entrevista regular, geralmente liderada por uma equipe do setor de Recursos Humanos da empresa. Isto acaba fazendo com que as pessoas sejam qualificadas através de sua aparência, gênero e até condição sexual.

Para os cargos públicos, não há esta discriminação no mercado de trabalho, isto porque a forma de seleção ocorre através de prestação de concurso público. Infelizmente, estas oportunidades não estão disponíveis sempre, por isso, os interessados devem ficar de olho nos editais.

Uma das principais diferenças entre estas duas modalidades empregatícias é a remuneração. Por exemplo, para o setor privado e para o público, é necessário cumprir o valor do Salário Mínimo 2021. Mas o que é diferente é o piso salarial dos cargos públicos e privados.

Benefícios

A remuneração mais alta para os cargos público irá influenciar diretamente no valor do recebimento da aposentadoria, como indicado na tabela INSS. O setor privado também pode proporcionar uma média salarial mais elevada, dependendo do cargo.

Outro benefício muito importante é a indenização para caso de mudança e diversas situações que a carreira pública pode dispor. O trabalhador da rede privada pode dispor de benefícios em seu serviço, mas estes não estão previstos por lei.

Idade

Você deve saber que ao atingir certa idade, o trabalhador perde sua influência no mercado de trabalho. A partir dos 40 anos, quem não alcançou estabilidade financeira pode ser considerado ultrapassado no mercado.

Já para o setor público, a participação em concursos pode ser realizada a partir dos 18 anos e até os 69 anos no dia da chamada para o cargo em questão.

Estabilidade

Mesmo dispondo de diversos benefícios, o trabalhador do setor privado está sujeito à demissão, seja por justa causa, por falência da empresa ou fatores externos.

O servidor da rede pública não pode ser dispensado de seu cargo, a menos que haja um processo administrativo aprovado judicialmente. Por isso, representa mais segurança e estabilidade.

Rotina de serviços

A rotina de serviços também é uma grande diferença entre as modalidades. Para o setor público, a rotina de serviços é muito regrada, com pouca oportunidade de crescimento profissional.

Quem trabalha em cargos privados, tem maiores desafios diários e possibilidade de crescer através do seu resultado e da atuação da empresa no mercado.

Possibilidades para iniciar sua carreira no mercado de trabalho

O Jovem Aprendiz Bradesco 2020 te entrega grandes possibilidades para iniciar sua carreira no mercado de trabalho. E o melhor de tudo: você nem precisa ter experiência para poder conquistar essa vaga. Quer saber como se tornar um Jovem Aprendiz Bradesco 2020? Continue lendo este post que nós te mostramos tudo sobre o Programa!

Um dos maiores bancos do mundo, agora pode se tornar seu primeiro emprego. Sem mesmo ter experiência no mercado de trabalho, com o Jovem Aprendiz Bradesco 2020 você pode ter esta grande chance de começar a trabalhar.

O Banco Bradesco foi eleito como “Melhor empresa para iniciar a carreira”, além de “Melhor empresa para trabalhar”, em 2012 e “Melhor empresa para a mulher trabalhar”.

Toda o grupo se preocupa com o desenvolvimento pessoal e ascensão profissional de cada membro da sua equipe. E você tem a chance de ser um destes membros, se tornando o Jovem Aprendiz Bradesco 2020.

E para te ajudar nesta grande conquista, separamos aqui todas as informações que você precisa saber para se tornar um Jovem Aprendiz. Confira nos tópicos a seguir:

Quem pode ser Jovem Aprendiz Bradesco 2020?

Para conquistar uma das vagas do Jovem Aprendiz 2020, é preciso atender a alguns critérios, que são:

  • Ter idade de 14 a 24 anos*;
  • Estar matriculado no ensino fundamental ou médio;
  • Ser presente às aulas e apresentar boas notas;
  • Ter disponibilidade para trabalhar até 6 horas por dia.
  • *O critério de idade não se aplica às pessoas com deficiência.

Atendendo a estes requisitos, você pode se tornar um Jovem Aprendiz Bradesco 2020. Continue lendo para descobrir todos benefícios que você poderá receber e como se inscrever no Programa.

Benefícios do Jovem Aprendiz Bradesco 2020

Com o programa Jovem Aprendiz do Banco Bradesco, você tem a oportunidade de ganhar conhecimentos não apenas prático, mas também teórico, ganhando um curso ofertado pela instituição que te capacitará ainda mais para o mercado de trabalho.

De acordo com seu desempenho, pode até se tornar um dos funcionários efetivos, pois o Bradesco é um grande formador de talentos, colocando sempre um instrutor para te acompanhar e te proporcionar os melhores ensinamentos que te ajudarão a crescer profissionalmente.

Além destes benefícios você também receberá:

  • Salário mensal;
  • Plano de saúde;
  • Férias remuneradas no período das férias escolares;
  • Vale transporte;
  • Vale alimentação ou refeição.

Como se inscrever no Jovem Aprendiz Bradesco 2020?

Simples e fácil, sem precisar enfrentar filas enormes; você só precisa ter acesso a um computador, tablet ou smartphone com internet e seguir nossas instruções, confira:

Acesse o site do Banco Bradesco. Clicando no link a seguir, você será redirecionado para a página do Trabalhe Conosco Bradesco:

banco.bradesco/trabalhe-conosco

Acessando este link, encontre na página a opção “Aprendiz”, como mostra na imagem abaixo, e depois clique em “Cadastrar Currículo”:

Caso você ainda não tenha nenhum cadastro no banco de vagas do Bradesco, é preciso fazer um cadastro inicial, informando o número do seu CPF, como mostra na imagem de exemplo:

Após digitar seu CPF e as letras de segurança, clique em “Cadastrar”. Abrirá uma nova página, em que será preciso informar seus dados pessoais, escolares e algumas outras informações.

Concluindo este cadastro, agora é só esperar o contato do Bradesco assim que novas vagas abrirem.

Instituição auxilia no acesso a empregos

O Estado da Bahia é um dos maiores e mais populosos do nosso país. É importante que existam cursos SENAC BA 2020 nessa região, uma vez que boa parte do povo dessa área está sofrendo com o desemprego, assim como tem ocorrido com todos os Nordestinos.

A crise econômica vem afetando o Brasil de forma intensa, e só consegue entrar no mercado quem de fato é bem qualificado e tem um diferencial a oferecer para o patrão.

Assim sendo, é primordial saber mais sobre os cursos SENAC Bahia e sobre a instituição, e é exatamente isso que vamos fazer no texto a seguir. Vem conferir!

SENAC BA 2020

Os cursos SENAC 2020 estão no mercado há bastante tempo, e cada vez mais pessoas se interessam pela possibilidade de cursa-los, considerando que através deles podem ter mais chances de entrar no mercado de trabalho.

Assim sendo, a seguir nós vamos te explicar mais profundamente como funciona a instituição SENAC Bahia e como é a sua história, que é focada na formação de trabalhadores para o universo laboral.

Esta unidade foi inaugurada em Agosto de 1947, ou seja, a sua história data de mais de 70 anos de trabalho duro e dedicação, com o objetivo de colaborar na formação de milhares de baianos e baianas.

A instituição conta com uma grande quantidade de unidades em todo o seu território, e a seguir nós vamos apresentar as mais conhecidas para você, que estiver interessado:

  • Unidade de Aquidabã;
  • Unidade da Casa do Comércio;
  • Unidade da Praça da Sé;
  • Unidade do Pelourinho;
  • Unidade de Alagoinhas;
  • Unidade de Barreiras;
  • Unidade de Duque de Caxias;
  • Unidade de Ilhéus;
  • Unidade de Irecê;
  • Unidade de Jacobina;
  • Unidade de Juazeiro;
  • Unidade de Lençóis;
  • Unidade de Paulo Afonso;
  • Unidade de Santo Antônio de Jesus;
  • Unidade de Vitória da Conquista.

Como você pode ver são muitas unidades, e para você saber onde elas estão e seus telefones de contatos basta continuar acompanhando o texto! Não deixe de dar uma olhada.

Cursos gratuitos SENAC BA 2020

Uma das grandes vantagens dos cursos SENAC Bahia é que eles são mais acessíveis a população, uma vez que se cobra apenas o preço de curso aos alunos, nada mais.

Não se coloca lucro nas mensalidades, e desse modo elas acabam se tornando mais controladas dentro do orçamento dos que querem fazer esse tipo de formação, mas ainda tem quem não possa pagar nenhum centavo para estudar.

É o que acontece quando o indivíduo está em busca do primeiro emprego sem ter nenhuma renda, ou está desamparado depois de ser demitido, por exemplo, e a boa notícia é que existe gratuidade nesses casos no SENAC BA 2020.

Basta que você e a sua família sejam parte de um núcleo que não conta com mais de dois salários mínimos de renda por cabeça, e assim você poderá se candidatar a esse tipo de inscrição.

Vale dizer que dependerá de cada unidade permitir que você faça um ou mais cursos gratuitos a partir dessa declaração de carência. Isso não é regulado por todos os SENAC, então cada um administra como convém.

Inscrição Senac BA 2020 Cursos Gratuitos

A inscrição para os cursos SENAC BA é simples. Tudo pode ser feito na internet ou presencialmente, em cada uma das unidades. No caso de você decidir que quer gratuidade terá que fazer presencialmente, e esse é o diferencial para quem pode pagar pelos cursos oferecidos

www.cursos.ba.senac.br.

Assistência financeira dada ao trabalhador dispensado sem justa causa

O seguro é uma assistência financeira dada ao trabalhador dispensado sem justa causa, garantida na constituição, sendo um benefício concedido pelo poder público com intuito de ampará-lo temporariamente.

Quem perde o emprego normalmente entra em uma fase difícil da vida, afinal, as contas e faturas continuam chegando, mas já não se pode contar com o salário. No entanto, em alguns casos é possível contar com o auxílio do Seguro Desemprego 2020 para se garantir nesse momento mais delicado.

Apresentaremos a seguir um texto completo sobre o benefício, visando solucionar todas as dúvidas que os beneficiários possuem, em específico sobre como consultar seguro desemprego para visualizar o saldo e extrato do valor disponibilizado pela Caixa Econômica Federal. Leia atentamente logo na sequência.

Consulta Seguro Desemprego

Para visualizar o saldo seguro desemprego a Caixa Econômica Federal disponibiliza para os seus clientes três alternativas para realizar a consulta e ver o número de parcelas que já foram depositadas e quantas ainda faltam. Para realizar esse processo, a Caixa oferece os seguintes tipos de consulta através da:

  • Internet;
  • Telefone;
  • Cartão Cidadão.

Para fazer a consulta seguro desemprego 2020 através de uma das formas citadas acima você deverá ter em mãos seus documentos (CPF, RG e NIS) para agilizar o processo, onde em poucos segundos será possível consultar e ter todos os dados necessários.

Consultar seguro desemprego é bem simples e rápido, além de não requerer custos, pode ser realizada em qualquer horário sempre que for necessário, já que esse serviço é otimizado pela Caixa Econômica Federal, o maior banco federal do Brasil. Confira no próximo tópico como realizar essas consultas!

Como realizar a Consulta Seguro Desemprego?

A consulta seguro desemprego é gratuita e quando o cidadão preenche os dados corretamente, ele recebe um relatório com todas as informações sobre o benefício, como o número de parcelas, valor e status de pagamento, por exemplo. Confira a seguir atentamente as três alternativas de como consultar rapidamente.

Internet

  • Acesse caixa.gov.br;
  • Preencha com o número do NIS;
  • Digite a senha, caso não tenha a senha, clique em “Cadastrar Senha”;
  • Clique em “OK”.

Telefone

Para realizar a consulta através do telefone você deverá ligar para o número 0800-726-0207, em seguida escolha a opção consulta e forneça seu CPF, RG e NIS (Pode ser identificado na carteira de trabalho ou no cartão cidadão).

Cartão Cidadão

Com o seu Cartão Cidadão é possível consultar saldo do seguro desemprego nas casas lotéricas, caixas eletrônicos e agências da Caixa Econômica Federal, não se esqueça de levar seu RG e CPF.

Agora que você já consultou o valor (que varia entre R$880,00 e 1.543,00) e o saldo disponível, o próximo passo é sacar seguro desemprego. Logo a seguir detalharemos o processo para que você possa realizar o saque sem maiores problemas e ter o seu benefício em mãos.

Programas sociais do governo podem ser cortados por falta de verbas

Não é novidade que o país passa por alterações administrativas no setor político e isso, tem afetado diretamente alguns programas sociais. Muitos projetos, tais como o Ciências sem Fronteiras, já foram extintos ou estão passando por modificações, as quais diminuem a quantidade de pessoas beneficiadas pelo governo.

Veja a seguir alguns dos programas que poderão ser cortados por falta de verba do governo:

Bolsa família

A cada ano a manutenção do Bolsa Família fica mais rigorosa. O número de beneficiários do programa diminuiu muito nos últimos anos, principalmente se comparado ao início do programa em 2003. De 2014 para 2017, houve uma atenuação de 1,5 milhões de bolsas pagas. E o número de pessoas que se utilizam do programa tende a ficar menor.

Com a manutenção do programa estando mais severa, é importante estar em situação regular com o governo. Então, se você é auxiliado pelo bolsa família, fique alerta para a consulta Bolsa Família 2021. Acompanhe sua situação, assim você poderá permanecer um beneficiário.

Minha casa, Minha vida

O programa subsidia moradia própria para famílias de renda baixa. O projeto vem sofrendo cortes desde o governo Dilma, e no governo Temer a diminuição não desacelerou. Isto porque, as faixas foram modificadas e o valor do subsidio caiu, ou seja, está mais difícil ser beneficiado pelo Minha Casa Minha vida.

Sem contar que em alguns momentos, o programa foi considerado quase paralisado, assim como as obras de construções das moradias contratadas. A expectativa é que o programa se normalize e volte ao seu curso normal, a fim de que outras famílias conquistem o sonho da casa própria.

Mais Médicos

É um projeto que visa levar atendimento médico para municípios que não conseguem atrair os profissionais de saúde, como alguns municípios indígenas por exemplo. O sucesso do programa é surpreendente, mas em contra partida, o solário e as condições não são atrativos para a maioria dos especialistas.

Também não existe uma previsão de ampliação de verba para o programa, o que seria a solução para o primeiro problema. E a outra situação seriam as áreas distantes e consideradas perigosas por alguns médicos. Sendo assim, torna-se complexa a visualização da atuação futura desse projeto, apesar do êxito com a população.

Há diversos programas e setores sendo afetados por corte de verbas atualmente, e não há previsão de quando essa situação irá se estabilizar. Muitos brasileiros dependem de programas sociais para ter uma qualidade de vida razoável, e estes têm sua vida diretamente afetada pelos cortes de verbas do governo.

Pessoas com doenças graves tem isenção no IRPF

A regra é: todos os brasileiros maiores de 18 anos devem declarar Imposto de Renda (IR). Todos os anos a convocação é feita pela Receita Federal com divulgação em seu site e nos principais veículos de comunicação, seguido da divulgação das alíquotas. Mas é importante saber que pessoas com doenças graves tem isenção no IRPF. Saiba mais!

Portadores de doenças graves possuem isenção no IRPF

Portadores de doenças graves não necessitam pagar Imposto de Renda. As doenças que se enquadram nesta lista são:

  • Aids;
  • Alienação mental;
  • Todos os tipos de câncer;
  • Doenças graves do coração;
  • Doença de Paget em estado grave;
  • Parkinson em qualquer estado;
  • Esclerose múltipla;
  • Fibrose cística;
  • Nefropatia grave;
  • Hepatopatia grave;
  • Tuberculose ativa;

A isenção de Declaração do Imposto de Renda consiste em não pagar qualquer imposto referente aos ganhos no ano anterior. Os isentos devem fazer a declaração como todos os outros, respeitando os prazos do envio de formulário. Apenas não haverá deduções sobre os ganhos.

Como pedir a isenção do IR para portadores de doenças graves

A isenção do IR para portadores de doenças graves é solicitada na unidade da Receita Federal mais próxima do requerente. Deve ser entregue formulário preenchido com a solicitação (impresso no site da Receita) com o laudo médico comprovando a doença.

O requerente deve levar até a Receita os documentos de identificação básico: identidade, CPF, comprovante de residência e o laudo médico com diagnóstico da doença. Todos os documentos devem ser originais.

Como conseguir o laudo médico para isenção do IR

Infelizmente apenas o laudo médico de um profissional de rede de saúde particular não é o suficiente para isenção do IRPF. É preciso apresentar um laudo do Sistema Único de Saúde (SUS) para ser considerado válido. Já ouve contestação desta norma, mas por enquanto ela permanece em vigor.

O laudo pericial constatando a doença deve ser feito por um médico do SUS e apresentado à Receita Federal para conseguir a isenção. Outra forma de conseguir o laudo é marcando uma perícia com profissional do Instituto Nacional de Seguridade Social (INSS).

O documento comprovando a doença possui validade. Deve conter a data de início da doença e validade em casos de possível recuperação. Caso não haja uma melhora do quadro é só pedir uma nova avaliação e levar para a Receita Federal novamente.

Não são válidos laudos que não possuam todas as informações corretamente. Devem constar a data do início da doença, previsão de finalização do tratamento, o nome do médico e seu registro e data da avaliação. Se as informações não estiverem corretas o pedido não é aceito, mas pode-se tentar novamente.

Não declarar o IR pode gerar problemas?

Ser portador de uma doença grave não isenta de declarar imposto de renda, apenas de pagar tributos. O calendário da Receita deve ser obedecido da mesma forma com a data para pessoa física e envio do formulário corretamente.

Caso não seja feita a declaração as consequências são multas e até suspensão do CPF. Em casos mais graves é importante ressaltar que sonegação de imposto é crime previsto por lei e pode gerar de dois a cinco anos de prisão.

Direitos de quem tem programa de transferência de renda

básicas de famílias que se encontrem em situação de pobreza e pobreza extrema. Além desse auxílio, há outros benefícios disponíveis para quem se utiliza da bolsa. Você sabe quais? Confira a seguir 5 direitos de quem tem Bolsa Família e entenda como funcionam.

Isenção do ENEM

O ENEM corresponde ao Exame Nacional do Ensino Médio, e é através dele que os participantes têm acesso a bolsas de estudo em universidades públicas e privadas. Para participar do exame, é necessário realizar seu cadastro e pagar a taxa de inscrição. O que nem todo mundo sabe é que pessoas inscritas no Bolsa Família são isentas desta taxa. Para quem quer participar da próxima versão da avaliação, deve conferir isenção do ENEM.

Tarifa Social de Energia Elétrica

Quem comprova situação de baixa renda, pode ter direito a tarifa social de energia elétrica. Isto quer dizer que a pessoa beneficiada pagará taxa mínima de luz. O valor descontado já vem direto no boleto mensal e deve ser pago em dias para que o direito não seja suspenso.

Tarifa Social de Água

Além de pagar taxa mínima de energia, a pessoa beneficiada por este programa do Governo também terá direito a uma tarifa social para conta de água. Ela representa um abatimento no valor da conta, proporcionando uma taxa mínima. Vale lembrar que para ambas tarifas, é preciso realizar um cadastro. Se informe com o órgão responsável pelo Bolsa Família de sua região.

Isenção em Concursos Públicos

Quem está devidamente inscrito no programa social, poderá requerer isenção de inscrição para qualquer concurso público. O recomendado é que comprove os documentos necessários com antecedência, a fim de não perder o período de inscrição. Os concursos públicos são abertos periodicamente, portanto, você deve estar sempre com o seu Cadastro Único atualizado, pois ele permitirá a garantia destes direitos.

Empréstimo Bolsa Família

O empréstimo Bolsa família é uma opção de microcrédito, que objetiva incentivar o desenvolvimento de pequenos negócios em áreas mais pobres. Sem contar que, esta opção pode mudar a situação de pobreza de algumas famílias, através da aquisição da renda própria por parte dos beneficiados. O valor pode variar entre R$ 300 a R$ 15 mil reais, dependendo de cada situação. Para saber mais, vale entrar em contato com o órgão responsável pelo programa da sua cidade e se informar via telefone ou em uma unidade física.

Fiz inscrição no Encceja, posso fazer o Enem também?

Existem provas gerenciadas pelo INEP que visam além do teste de conhecimento dos candidatos. O Enem e o Encceja são dois bons exemplos. Os exames possuem objetivos diferentes, mas são duas portas de oportunidades para os jovens brasileiros. Já que possibilitam o início da graduação e a conclusão do Ensino Médio, respectivamente. No entanto, um não anula o outro.

Sobre o Encceja

O Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos – Encceja avalia a competência de jovens e adultos que não concluíram o ensino fundamental e ensino médio no ciclo comum.

A prova dá uma segunda oportunidade para esse público, sendo que se conquistar pontuação satisfatória poderá emitir o certificado de conclusão do ensino fundamental e médio.

Para conseguir o diploma do ensino fundamental o candidato precisa ter no mínimo 15 anos. E para o diploma declarando a conclusão do ensino médio, a exigência é idade mínima de 18 anos.

Os conteúdos aplicados na prova são referentes as disciplinas que fazem parte da grade desses ciclos. Como: língua portuguesa, matemática, história e geografia e ciências naturais. É possível buscar na internet e em escolas as apostilas de estudo para Encceja, e se preparar para a realização da prova.

A prova do Encceja é totalmente gratuita. E as inscrições acontecem via internet.

Conheça o Enem

O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), também é ministrado pelo INEP. A prova é aplicada uma vez ao ano, e disputada por milhares de jovens.

A missão do Enem é mensurar a capacidade intelectual dos candidatos por meio das notas obtidas. Com a pontuação, os jovens estudantes podem se inscrever em diversos programas do governo que visam a inserção em universidades públicas e privadas.

O público que realiza o vestibular é principalmente jovens que estão no último ano do ensino médio. Mas esta não é uma regra, aqueles que já concluíram o ciclo também podem realizar a prova para disputar uma vaga no ensino superior.

E os estudantes do 1 e 2° ano do ensino médio podem realizar o exame como teste de conhecimentos. São 2 provas com 4 conteúdos e uma redação. As inscrições acontecem via internet e são pagas.

Quem fez o Encceja pode prestar o Enem?

Quem realizou o Encceja e conquistou a conclusão do ensino médio pode e é estimulado pelo INEP a prestar o Enem.

A prova do Encceja acontece em agosto, mas as inscrições são em Abril. Enquanto isso, o Enem é realizado em novembro e as inscrições têm início e término em Maio. Fique atento as datas para a realização do cadastro nas duas provas.

No momento da inscrição no Enem, o candidato ainda não terá feito a prova do Encceja. O recomendado é assinalar em escolaridade alternativas que indiquem a conclusão do ensino médio para aquele ano.

O candidato deve se preparar para as provas, em cursinhos e realizando simulados para teste.

Programa vai disponibilizar 2,5 mil CNH Gratuitas

Você conhece a CNH Social 2020? Este é um programa disponível em alguns estados do Brasil e que permite a emissão da Carteira Nacional de Habilitação (CNH) de forma gratuita. É claro que este projeto despertou interesse em muitas pessoas, e para saber quem tem direito a CNH Social 2020, como ela funciona e quais são as suas etapas, confira este artigo!

Como funciona?

A CNH Social ou CNH Popular não é um programa federal, por isso não são todos os estados do Brasil que disponibilizam esta gratuidade. É importante conferir na legislação da sua região se existe alguma Lei relacionada ao benefício.

O órgão responsável pela parte burocrática da emissão da CNH é o Departamento de Trânsito (DETRAN), por isso ficar atento aos comunicados oficiais divulgados por eles é uma boa ideia.

Através destes dois meios: Detran ou Lei estadual, é possível conseguir a emissão das categorias A e B que representam moto e carro, respectivamente, além de incluir a mudança de categoria C para veículos com carga acima de 3,5 toneladas, D para veículos mais de 8 passageiros ou E veículos com unidade acoplada de mais de 6 toneladas.

Carteira de Habilitação Gratuita

Qual o preço da CNH normal?

O preço da CNH normal, aquela que é emitida pela autoescola, na verdade não tem valor fixo. Quem decide quanto ela vai custar é a própria empresa responsável pela essa emissão, por isso, é possível encontrar valores diferentes em uma mesma cidade. Mas, os preços ficam em média entre R$1.000 e R$1.500, isso porque normalmente são adicionados ao valor:

  • As aulas teóricas;
  • Aulas no simulador;
  • Aulas práticas;
  • Instrutor treinado para auxiliar nas dificuldades;
  • Burocracia para a emissão da CNH.

Em alguns casos até mesmo os exames médicos são incluídos no valor. Enquanto isso, outros lugares permitem tratar dos assuntos burocráticos direto com o Detran do seu estado, o que pode ser mais barato.

Qual o preço da CNH Social?

Todas as etapas que foram citadas á cima e que são cobradas pelas autoescolas, estão inclusas na CNH Social 2020, isso quer dizer que é tudo na Habilitação social é gratuito! Quando você fizer a sua inscrição e for selecionado, não será necessário desembolsar nenhum tipo de valor.

Exatamente por isso, esse é um programa destinado a pessoas de baixa renda, que não conseguiriam arcar com todas as despesas e que com a CNH Social 2020 conquistaram a sua habilitação de forma gratuita. Possuir carteira de motorista e saber dirigir pode abrir possibilidades de emprego em várias empresas.

Requisitos necessários

Para não cair no golpe da CNH gratuita, é preciso saber todas as regras! As exigências para conseguir a habilitação de forma gratuita podem ser diferentes dependendo do estado.

Algumas regiões não exigem que o candidato preencha todos esses pontos, mas que possua pelo menos a metade deles. Enquanto que outros estados seguem fielmente as regras, por tanto o indicado é esperar a divulgação de um edital ou comunicado dos órgãos responsáveis para saber quais destas exigências serão pedidas.

Estados com CNH Social

Por enquanto, poucos são os estados com CNH Social 2020, São Paulo e Rio de Janeiro, por exemplo, que são estados bem populosos, não fazem parte do projeto. As regiões do Norte e Nordeste do Brasil aderiram ao projeto com mais facilidade e expansão, como:

  • Pernambuco;
  • Espírito Santo;
  • Paraíba;
  • Amazonas;
  • Ceará;
  • Minas Gerais;
  • Maranhão;
  • Rio Grande do Sul.

Cada estado define quais serão as suas regras, como dará a gratuidade para cada caso e todos os detalhes que envolvem o programa. Por isso, é necessário ler as instruções colocadas principalmente no site do Detran.

Cederj abre vagas para processo seletivo

Quem pretende fazer um dos maiores vestibulares do Brasil, o da CEDERJ, no Rio de Janeiro, deve se preparar, pois as inscrições começaram no de 24 de agosto e se estendem até o dia 10 de setembro de 2019.  

O vestibular CEDERJ 2020 será para a Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa. Serão ofertadas 11 mil vagas.

As inscrições devem ser feitas pela internet, no site www.CEDERJ.br, e a taxa é de R$ 130, que pode ser paga via boleto bancário até 11 de setembro, se tiver sido gerado no último dia da inscrição.

As provas acontecerão nos dias 25 de novembro (primeira fase) e 6 a 8 de janeiro (segunda fase). 

É importante acessar o site da entidade para baixar o Manual do Candidato e se informar sobre as disciplinas e os novos livros que serão exigidos, pois alguns foram alterados, entre eles estão: “Viagens na minha terra”, de Almeida Garret; “Til”, de José de Alencar; “Memórias póstumas de Brás Cubas”, de Machado de Assis; e “Sentimento do mundo”, de Carlos Drummond de Andrade. 

Sobre a isenção da taxa de inscrição, os estudantes que se cadastraram já podem consultar no site da CEDERJ se foram beneficiados com a isenção total ou parcial da taxa.

As provas terão as seguintes disciplinas: Português, História, Geografia, Matemática, Física, Química, Biologia e Inglês. Serão 90 questões de múltipla escolha.

O resultado do vestibular será divulgado no dia 17 de dezembro, para a convocação da segunda fase do processo seletivo. 

Para obter mais informações e o calendário completo, acesse o site da CEDERJ.

Vestibular CEDERJ 2020 – Manual do Candidato e Inscrições

A CEDERJ –disponibilizou o Manual do Candidato Vestibular 2020. As inscrições estarão abertas no período de 24 de agosto a 10 de setembro de 2019, através dos sites www.CEDERJ.br ou www.CEDERJ.com.br. O valor da taxa é de R$ 130.

Para auxiliar a escolha do candidato, a universidade apresenta juntamente com o Manual do Candidato a descrição de todos os cursos.

O Vestibular CEDERJ 2020 ocorrerá em diversos municípios do Rio de Janeiro

Os locais das provas serão divulgados no site da CEDERJ nos dias 19/11/2019 (primeira fase) e 17/12/2019 (segunda fase. Os locais de provas da primeira e segunda fase podem ser diferentes.

As provas da primeira fase serão realizadas no dia 25 de novembro de 2019 e a segunda fase ocorrerá entre os dias 06 e 08 de janeiro de 2020.

A previsão é que a lista de aprovados seja divulgada no dia 02 de fevereiro de 2020 e as matrículas devem ser feitas nos dias 05 e 06 do mesmo mês.